artigos
Convibra Conference - Educação e Promoção da Saúde do Paciente com Cateterismo Vesical de Demora: Controle da Infecção Urinária
Educação e Promoção da Saúde do Paciente com Cateterismo Vesical de Demora: Controle da Infecção Urinária

DOCUMENTAÇÃO

Tema: Saúde do Adulto e Idoso

Temas Correlatos: Saúde do Adulto e Idoso;

Acessos neste artigo: 149


Certificado de Publicação:
Não disponível
Certificado de Participação:
Não disponível

COMPARTILHE ESTE TRABALHO

AUTORIA

Julieta Scheidt Carneiro , Job Tolentino Junior

ABSTRACT
RESUMO
O estudo objetiva promover através da educação e promoção em saúde, o controle da infecção urinária em pacientes portadores de cateterismo vesical de demora, no ambiente domiciliar, na atenção básica no Estado do Rio de Janeiro. Trata-se de um estudo observacional e retrospectivo, coletados através do questionário estruturado de 61 pacientes atendidos na atenção básica, no período de fevereiro de 2021, com critério de exclusão e inclusão. Foram analisados estudos através das bases de dados científicos. Após análise dos dados, foi identificado maior incidência do uso de cateter vesical de demora ao gênero masculino com idade mínima de 60 a 70 anos, com procedência de unidades públicas de saúde com indicações muito específicas como hiperplasia prostática, obstruções crônicas e outras condições clínicas. O enfermeiro é um profissional habilitado conforme a lei n07.498/1986, que dispõe sobre o Exercício Profissional da Enfermagem. Considera-se a necessidade de educação em saúde uma estratégia no qual o enfermeiro é um facilitador promovendo o autocuidado com abordagens que objetivam a compreensão e participação dos pacientes reduzindo as infecções urinárias.
Descritores: Comunidade; Cateterismo Urinário; Atenção Primária

Para participar do debate deste artigo, .


COMENTÁRIOS
Foto do Usuário Micael Franco Alves 21-10-2021 17:37:17

Parabéns! Os cuidados com o cateterismo vesical de demora por vezes acabam entrando na rotina e deixados de lado por alguns profissionais, é preciso sempre estarmos em alerta para a prevenção de infecções que podem originar deste procedimento, e tudo se inicia com a prática inicial do manuseio do enfermeiro durante a sondagem.

Foto do Usuário Mylena Carolina Goncalves 21-10-2021 23:02:28

Ótimo tema. O enfermeiro tem toda autonomia não só de técnica mas de raciocínio clínico para prestar uma assistência de qualidade. Entendo que a equipe multidisciplinar auxiliar nesse processo, mas gostaria de saber de que forma o enfermeiro pode ter um papel mais minucioso para auxiliar na diminuição dos índices de infecção?

Foto do Usuário Sara Da Conceição Cajazeira 28-10-2021 10:12:46

Ótima escolha de tema. É muito importante que as praticas do controle de infecção seja mantida durante todo o processo da assistência, pra que dessa forma, a integridade do paciente seja mantida.

Foto do Usuário Helena Louzada Hell 03-11-2021 15:05:22

Parabéns pelo trabalho, por abordar um assunto de extrema importância hoje: a educação e promoção da saúde, relacionando- a com o cateterismo vesical de demora.

Foto do Usuário Erika Coelho Paiva 10-11-2021 11:31:44

Estudo abrangente e muito bem elaborado, em relação uma sobre algo muito comum na prática da enfermagem, e um profissional realizando uma boa assistência quanto a isso, pode realizar o controle de infecção.

Utilizamos cookies essenciais para o funcionamento do site de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.